Saiba como ajudar e participar da AJURCC, Ligue: +55 (83) 3314-1762

Projeto Nós Por Ela é Implantado em São José da Mata

A Associação de Juventudes, Cultura e Cidadania implantou neste mês de maio de 2021 o projeto Nós Por Elas, elaborado pelo GT de gênero da organização o projeto tem a finalidade de debater e combater a pobreza menstrual,  parta tento  a projeto vem promovendo rodas  de diálogo,  e distribuição de  kits básico de higiene menstrual que contém absorventes, sabonetes, papel higiênico, máscara e álcool em gel. As entregue a 80 mulheres, que participaram de atividades formativas que aconteceram de maneira gradual, sendo a primeira entrega no dia 28 de maio de 2021, às mulheres em três comunidades: diferentes Campo d'angola, Sítio Tambor e Santa Luiza.
Para Reaely Mercês jovem voluntária coordenadora do projeto: “Esta iniciativa é de grande importância tendo em vista que nosso país um problema que perpetua   e atinge grande parte das mulheres e pessoas que menstruam é a pobreza menstrual e por ser considerado ainda um tabu pouco é falado ou discutido sobre o assunto. Isso gerando ainda mais opressão as mulheres presentes nesse sistema patriarcal e machista.” Afirmou a coordenadora.
A projeto torna-se de grande relevância tendo em vista o pouco acesso a higiene íntima durante seu ciclo menstrual, muitas garotas deixam de frequentar lugares importantes do seu cotidiano, como a escola e o trabalho, durante o seu período que geralmente dura de 3 a 10 dias, essa precarização leva meninas a usar meios como panos velhos, papéis e até mesmo miolo de pão, que podem gerar doenças e infecções.
Outro destaque é mesmo esse assunto começando a ser debatido pelo nosso país, o atual desgoverno brasileiro, presidido Jair Messias Bolsonaro vetou o projeto de lei nº 59\2021, de entrega de absorventes gratuitos para meninas de baixa renda, a AJURCC com o projeto Nós Por Elas e outras organizações da sociedade civil,  diante disso está a frente de lutas pela derrubada de veto, participando de ações e fazendo campanhas, somos cientes que falar sobre pobreza menstrual é falar sobre dignidade feminina.
O A atividade contou com apoio da APIBIMI - Associação para a Promoção da Infância Carente no Mundo Empobrecido, que vem apoiando a AJURCC desde 2018, por meio do projeto Casa de Cultura e Cidadania.